Sequestradores do Crusher Fooxi viajaram, seguiram e ameaçaram: "vamos estourar a cabeça dele"

Arthur Ramos, de 22 anos, é conhecido como Crusher Fooxi no Free Fire, ele é influenciador da LOUD.
Sequestradores do Crusher Fooxi viajaram, seguiram e ameaçaram: "vamos estourar a cabeça dele"

Ronny Rolim

Após a prisão de dois criminosos que fizeram o sequestro do influenciador da LOUD conhecido como Crusher Fooxi, detalhes da operação foi divulgada pela delegacia que atuou no caso. Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu no último dia 18, mas só veio à tona com a prisão do segundo suspeito nesta terça (31). Outro criminoso já estava preso e um terceiro suspeito, de 28 anos, já foi identificado, mas segue foragido.

Ainda de acordo com a Polícia, Crusher Fooxi estava sendo seguido e monitorado pelos criminosos há pelo menos oito dias. Dois criminosos, que residem na capital paulista, viajaram e se hospedaram na casa do terceiro criminoso, que mora em uma residência próxima à casa da namorada do influenciador. A viagem foi realizada, especificamente, para que o trio cometesse o sequestro.

Ainda, antes do crime, os criminosos tentaram abordar Crusher Fooxi quando ele chegava na casa da namorada em três dias seguidos. Porém, eles desistiram devido à presença de outros moradores na rua. As ações foram flagradas por câmeras de monitoramento da vizinhança.

Saiba mais: Crusher Fooxi foi sequestrado, entenda o caso

Crusher Fooxi agradeceu ao seu advogado e aos policiais que o antederam prontamente no caso do se sequestro.

Sequestro Crusher Fooxi

Crusher Fooxi
Crusher Fooxi

No sequestro, objetos pessoais, como telefones celulares, aparelhagem de som do veículo, entre outros, foram roubados, gerando prejuízo aproximado de R$ 73 mil. Após os crimes, as vítimas foram abandonadas na capital paulista.
Segundo o depoimento das vítimas na Delegacia de Pariquera-Açu, os criminosos deixaram claro que Crusher Fooxi era o alvo do sequestro. "Pediram que ficassem tranquilos porque a "fita era com o menino", relatou uma das vítimas à polícia.

Eles usaram uma arma para ameaçar diretamente o influenciador da LOUD, dizendo que iriam "estourar a cabeça dele" e que, por conta disso, era "melhor colaborar" com as transações financeiras.

Suspeitos

Crusher Fooxi
Crusher Fooxi

De acordo com a Polícia Civil, um dos homens que abordou Crusher Fooxi é morador da capital paulista. Ele foi preso no dia 23 de agosto por policiais do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (GARRA), da Polícia Civil de São Paulo, na Rua Irmão Joaquim do Livramento, por cometer outros roubos. Ele ainda não foi interrogado.

O outro suspeito foi preso no dia 25 de agosto por policiais civis da Delegacia de Pariquera-Açu, na Rua Luís Lobo Filho, Vila São João. Ele é suspeito de prestar suporte para a prática do crime, fornecendo local para os outros envolvidos ficarem durante oito dias na região do Vale do Ribeira e prestando informações sobre a rotina da vítima.

Por fim, as diligências prosseguem com o objetivo de localizar e prender o terceiro autor do crime. Informações que auxiliem as investigações podem ser realizadas anonimamente por meio do telefone do Disque Denúncia 181.

Embora o conteúdo em texto esteja completo acima, é possível visualizar o vídeo abaixo como ilustração do artigo:


COMPARTILHE:

Comentários

Agora, os fãs podem deixar comentários com sua opinião sobre o assunto:

CODIGUIN FF

Notícias Relacionadas: