Chefe da Garena no Brasil, Fernando Mazza anuncia sua saída da empresa

Mazza assume o cargo de Country Manager da nova operação da Tencent Games no Brasil
Chefe da Garena no Brasil, Fernando Mazza anuncia sua saída da empresa

Ronny Rolim

Fernando Mazza, agora ex-chefe da Garena e do Free Fire no Brasil, anunciou sua saída da empresa, e disse que “Maio foi meu último mês na Garena e não tenho palavras para agradecer a minha equipe e parceiros pelas grandes conquistas que conquistamos”. A publicação foi feita no LinkedIn pelo próprio Mazza.

Agora, de acordo com a mesma publicação, Mazza irá chefiar a nova operação da Tencent Games no Brasil. A gigante chinesa, maior empresa do setor, contratou Fernando Mazza para ser o country manager da filial brasileira.

Mazza é um executivo com experiência e bastante conhecido no mercado de games brasileiro. Ele tem passagens por Vostu, Riot Games (que também pertence à Tencent Games), Wargaming e Garena, onde estava desde dezembro de 2018.

Fernando Mazza
Fernando Mazza, ex-chefe da Garena e do Free Fire no Brasil

Estou muito empolgado com o futuro e a oportunidade de mais uma vez construir uma equipe mais focada no jogador do país”, escreveu Mazza, em uma postagem no LinkedIn, em que se despedia da Garena e anuncia sua nova função na Tencent Games.

Maior empresa de games do mundo, a Tencent Games tem um faturamento global de mais de US$ 32 bilhões. Ela está à frente de empresas como Sony, Apple e Microsoft, que completam o ranking das maiores companhias de jogos eletrônicos do planeta. Até então, a Tencent Games atuava no mercado brasileiro de forma indireta, através de empresas nas quais ela investe. Entre elas, a Level-up, que tem o jogo “Ragnarok”, e a Riot Games, dona do “League of Legends”.

A companhia chinesa tem também participações na Epic Games, dona do “Fortnite“, um dos jogos de tiro mais populares do mundo; na Supercell, criadora do jogo “Clash of Clans”; e na LightSpeed Studios, que desenvolve o “PUBG Mobile”. A Garena, empresa em que Mazza atuava, contava também com a Tencent Games como acionista.

No LinkedIn, Mazza disse que o Free Fire World Series 2019 alcançou o recorde mundial de pico de visualizações simultâneas para um evento de e-sports móvel, com mais de 2 milhões de pessoas em todo o mundo sintonizadas simultaneamente e mais de 100 milhões de visualizações online totais em todo o mundo.

Agora, à frente da Tencent Games, Mazza vai montar um time local. Um executivo chinês será seu par no País e ele ficará no Brasil, ajudando na construção da operação local.


COMPARTILHE:

Comentários

Agora, os fãs podem deixar comentários com sua opinião sobre o assunto:

CODIGUIN FF

Notícias Relacionadas: